Pixelstick: superando os limites do light painting!

0
602

Light Painting

Para conseguir uma boa imagem por meio do light painting, é preciso que o fotógrafo tenha muita técnica e paciência, pois atingir as formas perfeitas demanda tempo. Mesmo com muitas tentativas, é normal que a fotografia nem sempre saia como foi pensado, tornando esse processo um verdadeiro – e agradável – desafio. O primeiro passo para conseguir a melhor imagem é ter todos os equipamentos fotográficos certos: uma câmera em que seja possível trocar a velocidade e a abertura e um tripé resistente para mantê-la estável.

Recentemente um novo acessório surgiu para facilitar a montagem do cenário ideal para esse tipo de fotografia: o pixelstick.

O que é pixelstick

PixelStick

Elaborado para criar imagens fantásticas, o pixelstick é um bastão de alumínio que possui cerca de 200 LEDs coloridos com funcionamento independente. Para facilitar ainda mais o trabalho dos fotógrafos, ele vem com um controle remoto que oferece opções de ajuste e escolha das imagens que serão exibidas, desde que estejam armazenadas em um cartão de memória.

Carregando as imagens no pixelstick, elas aparecem em uma linha de cada vez. Já que a fotografia é de longa exposição, o fotógrafo pode “pintar” o desenho no espaço a ser capturado pela câmera apenas com o movimento do equipamento.

Editando as imagens

PixelStick lightpaint

As imagens conseguidas com essa técnica e esse instrumento muitas vezes já parecem editadas em computador. Porém, para conseguir o melhor brilho, contraste, ou outra característica, é possível editar a foto com qualquer aplicativo. Se o seu objetivo é construir uma imagem apenas com o pixelstick, é necessário que ela não tenha mais do que 198 pixels de altura.

Além do light painting, é possível misturar técnicas e criar também imagens de pixel art, inovando ainda mais a sua maneira de fotografar.